Ir direto para menu de acessibilidade.
Portal do Governo Brasileiro
Início do conteúdo da página

Excelentíssimo senhor Desiré Bouterse, presidente da República do Suriname,

Senhoras e senhores ministros de Estado,

Embaixadores,

Demais integrantes das delegações do Suriname no Brasil.

 

Eu reitero que é uma satisfação receber o presidente Bouterse, bem como toda a comitiva do Suriname.

Já disse e repito que o Suriname é um importante parceiro do Brasil. A proximidade geográfica entre nossos países é acompanhada por laços históricos de amizade e cooperação. São igualmente antigos nossos vínculos culturais. Aliás, recordo que uma das maiores comunidades quilombolas do Suriname ainda usa em seu dialeto palavras portuguesas trazidas do Brasil.

E a verdade é que a migração do Brasil para o Suriname segue viva até hoje. O Suriname acolhe expressiva comunidade brasileira, ao que me parece são quase 40 mil brasileiros que vivem naquele país. Por isso que nós temos o compromisso de trabalhar juntos, em nome da dimensão humana do nosso relacionamento.

A visita de vossa excelência, senhor presidente, coroa um ano marcado por larga agenda bilateral. Veja a visita feita pelos ministros Torquato Jardim, da Justiça; Raul Jungmann da Segurança; e Sérgio Etchegoyen, do Gabinete de Segurança Institucional, e também na visita da chanceler Pollack, que tive o prazer de receber.

Hoje, aliás, pudemos assinar seis acordos de cooperação nas mais diversas áreas, segurança pública à cooperação financeira, da educação à agricultura. Estamos trabalhando sempre de forma muito coordenada para promover o desenvolvimento dos nossos países e o bem-estar de nossos brasileiros e surinameses. E é com esse espírito de união e de boas-vindas, senhor presidente, que proponho um brinde à saúde do presidente e à amizade entre o Brasil e o Suriname.

Fim do conteúdo da página