Ir direto para menu de acessibilidade.
Portal do Governo Brasileiro
Início do conteúdo da página

Agradeço a Senhora Primeira-Ministra pelo convite para visitar seu país e pela oportunidade de realizar esta produtiva reunião de trabalho. Agradeço, por seu intermédio, as autoridades e o povo local pelo modo caloroso com que a comitiva brasileira é recebida na Polônia.

É com grande satisfação que visito a Polônia, um dos centros mais dinâmicos da Europa. Economia pujante, a Polônia é exemplo de sucesso na superação de cenários econômicos desafiadores.

Brasileiros e poloneses compartilham fortes laços, estabelecidos pela história de imigração polonesa no Brasil. O país se orgulha de abrigar a segunda maior comunidade polonesa fora da Polônia, estimada em 3 milhões de descendentes.

A Polônia é, hoje, o segundo mais importante parceiro comercial do Brasil na Europa Central e Oriental. O intercâmbio dobrou em cinco anos e atingiu US$ 1,15 bilhão em 2014. É, ademais, origem de importantes investimentos no Brasil nas áreas química, mecânica e farmacêutica.

Os números do comércio bilateral são expressivos. Há potencial para ampliação da corrente de comércio. Faço-me acompanhar de missão empresarial imbuída do propósito de impulsionar e diversificar o fluxo comercial. O encontro de empresários que ocorrerá a seguir tem como objetivo aproximar as comunidades empresariais de ambos os países e fomentar o comércio, investimentos e iniciativas conjuntas, de forma sustentável.

A Polônia é um dos principais operadores de aeronaves Embraer da Europa. Considero relevantes os investimentos poloneses no Brasil e reforço convite para que empresas polonesas invistam ainda mais.

O Governo brasileiro anunciou nova fase do Programa de Investimento em Logística. Com isso, pretende atrair empresas polonesas para investir na modernização da infraestrutura local.

O Brasil aguarda com expectativa o lançamento do programa “GoBrazil”. Espera que, assim como o programa “GoChina”, tal iniciativa encoraje o empresariado polonês a investir no Brasil. Saúdo, como fator de estímulo nessa direção, a recente ida ao Brasil de delegação polonesa para negociar o Acordo bilateral para Evitar Dupla Tributação. O Governo brasileiro apoia o avanço dessas negociações.

O Brasil atribui prioridade à cooperação em ciência, tecnologia e inovação. Considero importante revitalizar o Acordo sobre Cooperação Científica e Tecnológica mediante convocação da Comissão nele prevista. Há elevada expectativa quanto à realização da I Conferência Brasil-Polônia de Ciência e Tecnologia, em Brasília. Expresso satisfação com a inclusão da Polônia no Programa Ciência Sem Fronteiras e a chegada de estudantes brasileiros ao país.

É com satisfação também que presidirei, mais tarde, a assinatura de Acordo de Cooperação em Turismo. Os laços familiares que unem o Brasil e a Polônia são fonte de importante e crescente fluxo de turistas. O Brasil está de braços abertos para receber turistas e atletas poloneses que participarão dos Jogos Olímpicos e Paralímpicos de 2016. Após a realização da Jornada Mundial da Juventude no Rio de Janeiro, em 2013, espero que milhares de jovens brasileiros venham à Polônia, para a próxima edição do evento, a realizar-se em Cracóvia.

Brasil e Polônia anseiam e fazem jus a maior presença no cenário internacional. Há benefícios evidentes em que se promova diálogo político mais frequente e intenso. Os dois países reivindicam, em fóruns internacionais, um sistema multilateral mais representativo e eficaz.

As conversas que aqui mantive foram muito produtivas, pois sinalizam o engajamento mútuo e o caminho a ser trilhado para fortalecer a cooperação. O fato de me fazer acompanhar de expressiva delegação ministerial e empresarial constitui demonstração da importância que o Brasil confere às relações com a Polônia, em variadas vertentes. Trata-se de passo decisivo a alçar o relacionamento bilateral a novo patamar.

Muito obrigado.

Fim do conteúdo da página