Ir direto para menu de acessibilidade.
Portal do Governo Brasileiro
Início do conteúdo da página
263

Recebi, com grande consternação, a notícia do falecimento do Dr. Hélio Bicudo.

Durante o regime de exceção, o Dr. Hélio Bicudo combateu, nos tribunais, na qualidade de Procurador de Justiça do Estado de São Paulo, a ação dos grupos paramilitares que cometiam execuções extrajudiciais. Lutou de maneira incansável pelo retorno da normalidade institucional e do regime democrático. Já na Nova República, foi eleito para exercer dois mandatos de Deputado Federal por São Paulo, tendo presidido a Comissão de Direitos Humanos da Câmara dos Deputados. Integrou a Comissão Interamericana de Direitos Humanos da Organização dos Estados Americanos, em Washington, da qual foi presidente, levando ao plano internacional seu compromisso com os direitos humanos e a democracia.

O Dr. Hélio Bicudo destacou-se, ao longo da vida, pela inteligência afiada, pela lisura no trato com a coisa pública e pela seriedade diante dos grandes desafios nacionais. Homem fiel a seus ideais, nunca hesitou em tomar o caminho que considerava o mais adequado para o país, independentemente das conveniências do momento, sempre guiado pelos seus sólidos valores democráticos e por sua reconhecida honestidade intelectual.

Ao estender minhas sinceras condolências aos familiares e amigos do Dr. Hélio Bicudo, quero expressar também minha convicção de que seu exemplo de jurista e homem público seguirá sendo uma referência permanente para todos os que lutam por um Brasil mais justo e democrático.

Aloysio Nunes Ferreira
Ministro das Relações Exteriores

Pesquisa:
Fim do conteúdo da página